Tel: 11-2365-0744 / 94898-0000 / 99637-6186

Mail: Joaquim@intermeioscultural.com.br

​Mail: Vendas@intermeioscultural.com.br

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta

10.00h - 18.00h

  • w-googleplus
  • w-facebook

© 2015

Da música folclórica à música mecânica – Mário de Andrade e o conceito de música popular

 

Juliana Pérez González

 

A partir da revisão da obra musicológica do intelectual brasileiro Mário de Andrade (1893-1945) é proposta uma história da construção do conceito de música popular. Na passagem do século XIX para o século XX, o universo musical da América Latina viveu importantes mudanças marcadas pela chegada dos modernos meios eletrônicos de comunicação e pelo auge do nascente mundo do espetáculo. As transformações dessa paisagem cultural contribuíram na configuração polissêmica do vocábulo música popular, usado a partir desse momento.

Identificando algumas das tensões e complexidades no uso do vocábulo, tanto na obra de Mário de Andrade como de alguns colegas da América Hispana, é possível diferenciar entre o conceito de música popular, herdeiro da visão de mundo do romantismo oitocentista, e o surgimento de um novo significado em relação com a música urbana, difundida pelos discos e pela rádio.

Este livro leva ao campo da historiografia musical latino-americana as discussões e debates historiográficos posteriores à década de 1970 acerca da construção da cultura popular como derivação de uma elite acadêmica. O enfoque usado e a revisão da literatura da época são relevantes para o campo da historiografia musical da América Latina e propõem um novo olhar sobre a obra musicológica de Mário de Andrade.

 


 

Prêmio História Social – USP - Capes

 

​ISBN: 978-85-8499-014-6
Formato: 16x23 cm​
​Paginas: 288
​Preço: R$ 45,00