Tel: 11-2365-0744 / 94898-0000 / 99637-6186

Mail: Joaquim@intermeioscultural.com.br

​Mail: Vendas@intermeioscultural.com.br

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta

10.00h - 18.00h

  • w-googleplus
  • w-facebook

© 2015

O morto vestido para um ato inaugural

DURVAL MUNIZ DE ALBUQUERQUE JÚNIOR

 

 

Este livro, interessado nos procedimentos de fabricação do folclore eda cultura popular, traz uma extensa pesquisa que assinala as diversasformas de constrangimento para obtenção – e mesmo de indução –das poesias e cantorias, detalhando situações em que estas foramrecolhidas, e, especialmente, analisando os processos de transmissão,desde a produção à recepção.Como historiador, Durval Albuquerque tem escrito diversos e importantes trabalhos no campo da teoria da história que são referênciasimportantes à historiografia­ brasileira. No caso especí­fico deste novolivro, dedica-se a uma sociologia dos textos para estudar aquelesque são anunciados como consagrados à “cultura popular”. Assinala, sobretudo, a passagem do registro oral ao escrito, pontuando astransformações das expressões culturais dos agentes identi­ficados comodas camadas populares, seus versos, suas poesias, suas cantorias, emtextos selecionados, classi­ficados, catalogados. Em suma, na complexarelação entre a escrita e a oralidade, questiona as divisões que separama produção semiótica das camadas não letradas das práticas de registromateriais e formas de circulação impostas pelos letrados, detendo-see analisando as diversas apropriações dos chamados folcloristas e dosespecialistas da cultura popularO seu estilo, marcado por uma escrita que brilha como uma lâmina, atuapara pensar a produção do conhecimento como parte do combate quedesloca postos amplamente estabelecidos na história a ­ m de reencontrardiferentes caminhos que tornam possível o pensamento crítico.

 

(do Prefácio de Regina Guimarães)

​ISBN: 978-85-64586-65-9
Formato: 16x23 cm​
​Paginas: 288
​Preço: R$ 48,00